Carnaval de Congo de Máscaras em Roda D’Água Cariacica mistura fé, cultura e tradição

Segundo os mais antigos moradores da região a festa era realizada por negros escravizados que haviam fugido, e como não conseguiam chegar até a Festa da Penha, em Vila Velha, pelo difícil percurso entre matas; realizavam a comemoração ali mesmo onde moravam, tocando tambores e casacas de casa em casa.

João Bananeira, ícone do Carnaval do Congo de Máscaras de Cariacica

A casaca é um instrumento musical de percussão da classe dos idiofones, feito de madeira

A casaca é um instrumento musical de percussão da classe dos idiofones, feito de madeira

O Carnaval de Congo de Roda d’água mistura as culturas branca, negra e indígena.

No tempo da escravidão os negros não podiam participar das procissões dos brancos, assim para não serem reconhecidos pelos seus senhores durante os festejos de Nossa Senhora da Penha, eles se cobriam com palha de bananeira, tecidos e mascaras, surgindo assim o João Bananeira, uma das figuras mais importantes do folclore cariaciquense. Alguns dizem que mulheres se fantasiavam de João Bananeira para participar da festa sem se preocupar com o protocolo.

A dança e irreverência dos mascarados acompanham o som dos tambores e a voz dos congueiros que entoam antigas canções para homenagear a padroeira do Espírito Santo, Nossa Senhora da Penha.

#cultura #tradição #congo #carnaval #cariacica

Saiba mais em: Carnaval de Máscaras de Congo em ‘causos’Lendas de Cariacica – Secretária de Cultura de CariacicaJornal Turismo Serviços – Associação das Bandas de Congo de Cariacica (Valdecir Mestre Congo +552733449588 / Evandro Banda De Congo ‎+5527996031155 ) – Godô Sambista +552799915-7416 – Blog Turismoria

Fotos desta publicação: AliPertinho e Fabiani Littig

Mais fotos estão disponibilizadas no Google Fotos com resolução que permite impressão Clique Aqui

Como chegar a Roda D’agua

Esperamos que esteja gostando do site!

Se quiser se manter sempre informado assine nosso informativo preenchendo o formulário abaixo. Faremos o maior esforço para trazer novidades para você.

Não se sente seguro em fazer trilhas, caminhar sozinho?

Veja a programação dos grupos que promovem eventos desta natureza: Grupo FIT Aventura | 100% Aventureiros | Oscanela Brasil | Amigos do mestre Álvaro | Bicho Grilo | Trilhas e Destinos AliPertinho | Na Trilha |Daytur Viagens e Turismo | (indicação caráter informativo sem vinculo comercial)